Deduções I

by praerigidus

Considero que de facto pouco sabemos acerca do que quer que seja, rodeios humanos de cariz supérfluo, imaginamos e acreditamos que há um conjunto de regras de teor físico e quântico que rege tanto vazio e tão pouco nada, tudo pela incessante procura de motivo/razão que explique o porquê de sermos ser consciente  e racional, inclinados para uma auto destruição que muito pouco ou nada tem de excepcional. E assim continuamos, a ver vamos onde iremos nós ou outros que depois de nós com tanto terão de lidar.

Advertisements